Listômetro

Top 5: Novelas

Ueba, chegamos hoje com mais uma listinha — por favor, não me odeiem. Juro que não é falta do que falar, já tenho pautas para o mês todo e algumas extras, viva. Mas esse é mais um post coletivo com patrocínio da Máfia Cia. Ltda. (vocês podem conferir os textos irmãos lá nos blogs de Sharon e de Iralinha, e a Coutinha fez o dela sobre séries). Combinado é combinado e eu não dispenso uma folia. Então hoje o assunto é novela, preparados?

Não vou falar de novo que era viciada em novelas desde pequenininha. Não sei bem quando deixei de ser (provavelmente quando o tempo começou a ficar curto), mas o fato é que devo ter centenas de novelas no currículo. A maioria eu nem me lembro mais, mas algumas marcaram o meu inconsciente, e é delas que vamos falar hoje. Prontos para conhecer meu Top 5 de novelas da vida? Sem ordem de preferência dessa vez.

Quatro por quatro

quatroporquatro2

Essa eu assisti pelo menos duas vezes. Lembro? Muito vagamente, afinal eu era muito girininha em 1994. Mas a lenda é que eu gostava pra caramba. Até imitava as roupas da Babalu ou algo assim (e tenho lembranças leves da Letícia Spiller versão ninfeta e seu girassol). Passou primeiro no horário das 19h, segundo o Google, e é tudo o que eu sei.

Por Amor

Nando-e-Milena-Por-Amor

Não sei quantas vezes essa novela já passou, mas assisti todas. Nunca liguei muito para os personagens principais, mas Milena e Nando são só amor. E Palpite como música tema é o que eu quero pra minha vida (é só falar o nome dessa bendita música que ela entra na cabeça e agora é fato que só me livro dela ano que vem, ou da próxima vez que a novela reprisar no vale a pena ver de novo).

Chiquititas

chiquititas

Não me passou pela cabeça logo de cara porque, por algum motivo, eu só estava pensando em novelas da Globo. Mas fato é que Chiquititas me acompanhou por muitos anos. Tinha CDs, já me fantasiei, adorava fazer as coreografias e é uma parte importante da minha formação. Sei as letras até hoje e em maio dancei remexe cazamigas na balada. Que momento.

Escrito nas Estrelas

ricardo-viviane-escrito-estrelas

Já falei por aqui também que tenho um fraco por novelas das 18h, né. Isso é uma droga bem grande, já que saio do escritório às 18h e só chego em casa a tempo de pegar a metade final. Escrito nas Estrelas foi uma novela bem mais recente que as três anteriores, então é provavelmente a que eu mais me lembro. Não sei o que ela teve de tão especial e não acho a Natália Dill uma atriz muito boa (apesar de crer que deve ser uma pessoa ótima e simpatizar de graça), mas amei. Ai, só de lembrar quero assistir de novo? Não sei lidar com amores de outras vidas, me deixem. E ainda tinha o Gilmar, melhor personagem.

Além do Tempo

felivia

Risos. É possível que essa não estivesse na lista se não estivesse passando agora (mas eu acho bem que estaria, sim), mas estou amando tanto e achando tão boa que quis incluir na lista e ponto final. Sério, gente, vocês deviam assistir. Se quiserem saber mais um pouco podem voltar no tempo alguns dias e conferir aqui o que eu já falei sobre ela. Não sei lidar com amores de outras vidas (x2) e nem com o Conde Felipe.

Foi muito bom estar com vocês de novo e nos vemos amanhã (né?). Não deixem de aparecer caso vocês gostem de viajar ou estejam apenas curiosos para saber o que, afinal de contas, tem pra fazer no Kansas.

Esse post é parte integrante do meu BEDA. Para saber mais sobre essa cilada leia esse post. Tem sugestão de tema ou pergunta para a minha pessoa? Deixe nos comentários ou entre em contato.

Previous Post Next Post

You Might Also Like

5 Comments

  • Reply Naninha 19 de agosto de 2015 at 10:57

    Oi amorzinha <3
    COMO ASSIM você assistia novela em 1994????? Amiga, socorro, eu nem sabia o que era isso, pfvr a gente tinha 2 anos, já te amo ainda mais por essa nova informação. Letícia Spiler: AMO.
    Por Amor é sensacional demais gente, como eu amei cada segundo dessa novela. Não se fazem mais novelas como antigamente. Não consigo admitir que o mesmo homem que escreveu Por Amor, Laços de Família e Mulheres Apaixonadas escreveu EM FAMÍILA. Rest my case.
    Escrito nas Estrelas eu curtia também, Gilmar totalmente maravilhoso. Ao contrário do que você disse, eu acho a Dill uma boa atriz, e sempre achei que ela seria uma pessoa divertidíssima, mas alguém me disse (se não me engano chicória) que ela é insuportável na vida real. Fiquei ~na madrugada boladona~.

    Te amo amo amo <3

  • Reply Ana Flávia 19 de agosto de 2015 at 14:12

    Ei Paloma! Ai como eu amo esse assunto. <3333
    Não lembro nunca de 4×4, mas SPILER, que pessoa. Sigo morrendo de inveja.
    Por amor eu gostava especialmente duma personagem criança que esqueci o nome, mas só vi no Vale a pena. Mas é muito amorzinho essa.
    Chiquititaaaaaaaaaaaaaas, melhor novela. E eu brigava pra ser a Vivi nas brincadeiras. sdds.
    Escrito nas Estrelas – love Natália Dill – não vi. Dificuldades de acompanhar novela das seis agora que somos adultos, o mesmo vale por Além do Tempo, que ando com dor no coraçao de não ver sempre, nunca lembro de ver pela intrnet. :/

    Beijos.

  • Reply Chiquinha 19 de agosto de 2015 at 17:35

    POR AMOR <3
    Tenho um caso de amor (!) gigantesco com essa novela, foi a minha primeira, acho que já revi duas vezes no Vale a Pena Ver de Novo, e se passar de novo, lá vou eu assistir mais uma vez. Milena e Nando melhor sip, sim, SIM, MIL VEZES SIM! E Palmite, o que dizer dessa maravilhosa canção?

    Bom, as outras novelas eu nunca vi. Desculpa? Você tá quase me convencendo a dar uma chance pra Além do Tempo, porque eu tenho pouquíssima estrutura pro Rafael Cardoso e tô carente de novela das seis. Como se eu tivesse muito tempo pra correr atrás de mais de um mês de novela perdido, né? Saudades pré-adolescência.

    Te amo!

  • Reply Sharoneide 20 de agosto de 2015 at 18:39

    Achei um abuso enorme eu não ter te mimado ontem, porque eu li seu post logo que apareceu pra mim que você tinha postado, então imaginei que eu de fato tinha te mimado, mas aparentemente aconteceu alguma coisa no meio do caminho e pronto, não mimei. Que péssima eu sou.
    Não lembro de quase nada de Por Amor, mas eu AMAVA quando era mais nova, mais ou menos a mesma coisa que aconteceu por Quatro Por Quatro, que eu só lembro mesmo da Babalu, mas sei lá, amava demais? Hahahahahahahahahaha

    Agora amiga, de tanto cê falar em Além do Tempo, eu tô considerando muito fortemente assistir também. Será que ainda dá tempo? Tô ficando louca?

    beijo, te amo <3

  • Reply Plân 20 de agosto de 2015 at 19:24

    AMIGA! Quatro por quatro: não lembro absolutamente nada do enredo, dos personagens, nada. Só lembro que amava Babalu também. E quem não, né? <3

    Por Amor – minha grande paixão era Atílio e Helena. Atílio, que homem. Helena, que mulher. <3

    Tu vai me bater se eu disser que absolutamente não lembro de quase nada de Escrito nas Estrelas? Meus deus, eu lembro que era ótima, minha mãe amava, mas eu não lembroooo. Essa foto, inclusive, me deixou bem perturbada. Hahahahaha

    Além do Tempo: TA BOM, acho que vou ter que começar a ver de tanto tu falar. Deve ser ótima, pois sempre que passo pela sala minha mãe está chorando. HHAAHAHA
    Te amo, meu amor! <3

  • Leave a Reply