Pessoal

“Hey, this is not natural”

Mudança de rotina. Chegar em casa e deitar no sofá, ao invés de subir direto as escadas e ir direto para a frente dessa prisão pra onde a gente vai voluntáriamente. Almoçar assistindo jornal, ao invés dos desenhos repetidos e sem graça do meu irmão, assistir um pedaço de video show antes de continuar a tocar a vida pra frente. Há quanto tempo eu não faço isso? Bem, não lembro de fazer isso desde antes da minha mãe começar a trabalhar, nós despedirmos todas as empregadas que passaram por aqui e desistirmos de achar uma nova. Desde então eu venho direto pra cá, porque mesmo que ilusóriamente, a maioria das vezes eu encontro alguma companhia. Eu tive que fazer uma redação sobre a internet outro dia, o tema era “Internet emburrece?”, e eu pensei em dizer que sim. Bem, eu pensei isso até tentar avaliar meus argumentos, e acabar voltando à minha idéia original, a primeira frase que eu falei quando entregaram a folhinha pra gente. Qual era? Bem, a Internet não emburrece, são as pessoas que emburrecem. Sim, a frase soa idiota (quem sabe porque eu passe tempo demais na Internet), mas idéia original é que cada um sabe o que é bom para si. A Internet em si não vai ficar mais burra ou mais inteligente, as pessoas que não sabem usar é que causam esse ‘retardo’ em si mesmas, certo?

Troca de template… mais uma. Era rosa demais, tinha informação demais e a coluna dos posts (que contém o objetivo principal da maioria dos blogs: escrever) era pequena demais. Eu já estava me conçando pra trocar há um tempinho, agora foi. Simples e limpo, relativamente espaçoso e, o mais importante, organizado. Me sinto uma nova pessoa (?). Também fiz um perfil novo e troquei o player. Falando no player, no meu ‘miniPod’ tem algumas cositas que fazem a minha cabeça. Não são todas, claro, mas são parte delas, e também tirei do modo de reprodução automático porque ele me irrita, então, quem quiser conferir é só descer a barra de rolagem e dar uma olhada.

Então, senhores, como um último comentário, eu só queria deixar mais uma vez registrado como a vida é irônica, e como você pode rir dela de vez em quando. Eu sei que isso não faz sentido nenhum pra vocês, e nem pra mim faz muito. Foi só uma revelação que eu acabei de ter.

Texto originalmente publicado no Uol blog.

Previous Post Next Post

You Might Also Like

No Comments

Leave a Reply